Início » Revista do Ibirapuera » E a transparência? E o plano diretor? Um gêiser no olho do ciclone e o dilema do Parque das Águas de Caxambu