Home Sobre o Parque Ibirapuera Conservação

Sobre o Parque Ibirapuera Conservação

O Parque Ibirapuera Conservação é uma organização da sociedade civil de interesse público (OSCIP), sem fins lucrativos, que transforma lugares —e pessoas— através de atividades de conservação e melhorias no Ibirapuera. Somos dedicados a proteger as áreas do parque, tornando-as relevantes e acessíveis e tendo como princípio o senso de compromisso na melhoria da qualidade dos espaços públicos e abertos para proveito de todos.

Aqui unimos a eficiência do privado com o interesse público. Seguimos os passos do Central Park Conservancy de Nova Iorque, ícone de gestão de parques urbanos no mundo, que, após inúmeras melhorias e atividades passou também a administrar o Central Park sob uma estrutura transparente e sem fins lucrativos em parceria com a prefeitura. – Thobias Furtado, cofundador e presidente do Parque Ibirapuera Conservação

Origem

Durante os mais de 60 anos de história no Ibirapuera, o parque passou por mudanças e recorrentes ciclos de dificuldade de investimento na manutenção e restauração de suas áreas verdes. Em 2010, a partir das reuniões do Conselho Gestor do Parque Ibirapuera, um grupo de usuários e conselheiros determinados e insatisfeitos com esta dinâmica resolveu plantar uma semente e trabalhar por melhorias estruturais. O desafio: implementar uma boa governança, melhorar a gestão e atrair inúmeras pessoas e empresas interessadas em associar sua imagem a de um parque limpo, seguro e bonito.

O grupo começou a pesquisar e trabalhar em alternativas de gestão mundo afora que melhor se enquadraria na realidade paulistana. O solução precisava ser de interesse público, mas ter gestão ágil e eficaz para identificar, preservar e melhorar os ativos e áreas naturais, históricas e culturais do parque. Assim nasceu o Parque Ibirapuera Conservação. Hoje a organização trabalha tanto na recuperação como prevenção de declínios futuros, estruturando projetos de melhorias no Ibirapuera, como também gerando receitas acessórias inteiramente investidas no parque.

Em 2015, a Conservação recebeu o título de OSCIP pelo Ministério da Justiça que não só mostra o comprometimento com transparência e governança, mas que facilita parcerias mais estruturadas com o setor público. Hoje a Conservação segue propondo melhorias à prefeitura e trabalhando para cuidar exclusivamente das áreas do Parque Ibirapuera para estas e futuras gerações. Porém, para caminhar mais rápido, aguarda um Termo de Parceria para canalizar mais recursos e fomentar melhorias em todo o parque.

Objetivo

A missão do Parque Ibirapuera Conservação é restaurar, preservar e melhorar o Parque Ibirapuera em parceria com o público. A Conservação busca melhorar a experiência do frequentador no parque e construir uma comunidade dedicada a conservar o Ibirapuera para o futuro.

Visão

O Parque Ibirapuera Conservação aspira construir uma excelente organização, que seja referência e inspire princípios de gestão para organizações da sociedade civil — com ênfase na excelência ambiental — melhorarem a qualidade de espaços abertos para o uso de todos.

Como funciona o parque?

Com 13 milhões de visitas estimadas por ano em seus quase 120 hectares (já foram 158ha), o Parque Ibirapuera é o parque mais frequentado da América Latina. O terreno é do município e a prefeitura, através da Secretaria do Verde e Meio Ambiente, administra o parque com staff próprio e opera terceirizando a mão de obra operacional para duas empresas: uma de manutenção e manejo e outra para segurança. Os contratos ultrapassam 23 milhões de reias/ano. A segurança no Ibirapuera é reforçada por uma inspetoria da Guarda Civil Metropolitana locada dentro do parque com efetivo de quase 200 homens. A administração segue orientações do Conselho Gestor do Parque Ibirapuera, composto por funcionários do parque, de inúmeras secretarias municipais, como também por representantes da sociedade civil e usuários eleitos a cada dois anos.

Como funciona o Parque Ibirapuera Conservação

A Conservação é independente, mas seu trabalho parte na maioria das vezes das consideração e diretrizes municipais e do Conselho Gestor do Parque para um parque melhor. A partir daí, discute prioridades e disponibilidades internamente, ou seja, interesse de investimento dos amigos do parque, para finalmente iniciar a mobilização, elaboração e trâmite de propostas de melhorias nos órgãos competentes e transformar com legitimidade e responsabilidade os espaços do Ibirapuera. Tudo feito por quem ama, frequenta e acredita no poder transformador da sociedade civil organizada.

Graças à generosidade de inúmeros indivíduos, empresas e institutos, o Parque Ibirapuera Conservação vem investindo centenas de milhares de reais em atividades e projetos e se consolidando como um modelo de organização de suporte e cuidado de parque urbano no Brasil. Na Conservação, todos frequentadores são bem vindos a fortalecer o modelo como amigos do parque.

Saiba mais sobre nossa história na pequena apresentação do nosso trajeto até a primeira restauração entregue no parque. Conheça também quem encabeça o Parque Ibirapuera Conservação. Transparência sempre: veja nossas contas auditadas de 2015. Conheça também nosso estatuto social.

Modelo que seguimos: Central Park Conservancy

O modelo de Conservação via sociedade civil em parques urbanos é novidade no Brasil, mas há exemplos muito bem sucedidos em outros países. Este vídeo abaixo produzido pela Universidade de Columbia, com apoio da Fundação Lemann, e que traduzimos para você – (clique em CC no barra inferior do vídeo para legendas em português), inspira nossa equipe a seguir dando o máximo de si e construir uma organização sem fins lucrativos completamente dedicada ao parque, para transformar o Ibirapuera e fomentar o cuidado e criação de mais espaços verdes públicos bem cuidados no país afora.

Restauração no Ibirapuera

Após contrato com prefeitura para cogerir o Bosque da Leitura, entregamos a restauração abaixo no final de 2015, e junto com ela propostas para melhorar a qualidade da água, margem nos lago e córrego, com projeto de conservação e requalificação do entorno, como também um projeto de restauração da pista da cerca e banheiros em mais de 30.000m2 do entorno do parque, área delicada que precisa de atenção na requalificação do verde e quando bem cuidada melhorar muito substancialmente a segurança do parque.

Assista em nosso canal Youtube outros vídeos com ações que fazemos.

Quer saber como se aproximar e falar conosco: